Análises,Design,Notícias -

Review do Pixelmator Pro

Todo mundo que trabalha com design, fotografia ou simplesmente é um entusiasta em edição de fotos, certamento já deve ter ouvido falar do Photoshop. Todavia, há outras boas opções no mercado. Uma das mais recentes e mais fortes é o Pixelmator Pro, versão ainda mais completa do já muito bom Pixelmator, conhecido editor de imagens para Macintosh.

Interface Gráfica

O Pixelmator Pro foi criado pensando em profissionais de fotografia e manipulação digital. Por ser exclusivo para Mac e construído em cima da API Metal, toda sua estrutura gráfica segue os padrões usados na plataforma.

A tela de criação de novo arquivo agora mostra uma série de formatos pré-definidos. O mais interessante é que além de formatos mais conhecidos, como tamanhos de papel e de vídeo, sãos as predefinições de mídias sociais, que apresentam especificações prontas para diversos padrões de imagens para Instagram, Facebook, Twitter e outros.

A tela ainda permite escolher a profundidade de cor (até 16 bits) e tipos de unidade de medida para especificar o novo documento.

A interface do Pixelmator Pro apresenta uma formatação muito comum em aplicativos para correção de fotografia, com a maioria das opções e ferramentas apresentadas no lado direito da tela, deixando praticamente todo resto do espaço para a visualização do projeto. Ele segue uma estrutura bem similar ao Pixelmator para iPad. Ainda há algumas opções a mais no topo, como abas (quando necessário) e uma barra de camadas à esquerda, quando houver mais de uma.

Diferente de seu antecessor, essa versão do Pixelmator agora traz uma uma iconografia monocromática em cinzas, tal como sua tipografia, para não distrair o profissional.

Pincel e Pintura

A ferramenta pincel apresenta uma variedade enorme de pontas e compatibilidade com diversas pen-mouses e tablets. Totalmente personalizável, ela simula bem o comportamento de mistura de tintas e também permite importar e exportar pontas.

Ferramenta Organizar

Aqui a ferramenta mover / selecionar, equivalente, é nomeada de Organizar. Através dela você consegue modificar propriedades do documento ou de suas camadas, como rotacionar, ampliar, mover, alinhar e outros pontos organizacionais.

O diferencial aqui está no fato de que o controle é totalmente adaptado para os movimentos do trackpad.

Recortando um Objeto da Cena

Talvez um dos mais impressionantes recursos do Pixelmator Pro seja a ferramenta de Seleção Rápida. Ela funciona como uma mescla de Varinha Mágica com Pincel de Seleção, se comparado com o sistema da Adobe. É mostrado primeiro uma pré-visualização e, ao arrastar, o usuário pode definir a área de recorte de forma realmente rápida e simples e, o melhor, com uma qualidade que nos deixa realmente impressionados.

Uma outra promessa extremamente curiosa da aplicação é que ela promete a nomeação automática de camadas a partir de Machine Learning. Dessa forma, o designer não precisa se preocupar tanto com a nomeação de camadas e será mais simples uma atualização ou manutenção desse documento.

Ajustes de Fotos

Muito além dos ajustes de fotos tradicionais, que precisam de painéis e seleções individuais, o Pixelmator Pro apresenta uma área que é muito similar a editores de câmera RAW, inclusive o próprio Lightroom, porém com a vantagem adicional de ser possível salvar predefinições para que sejam utilizadas posteriormente. Ainda possui o modo que garante que a imagem original sempre seja preservada, lembrando muito a nova versão do software para fotografia da Adobe.

Efeitos e Pseudo Filtros

A opção de efeitos, que fizeram tanto sucesso no Pixelmator vanilla está de volta na versão Pro, porém mais poderoso, usando a segunda versão da API Metal, da Apple. Graças ao Metal, o uso otimizado da GPU permite que efeitos sejam aplicados e visualizados em tempo real, mesmo em imagens mais pesadas. Nos testes usamos um MacBook Pro de entrada, Mid 2012, sem GPU dedicada, e tivemos um resultado surpreendentemente bom mesmo com imagens de alta resolução.

O Pixelmator Pro traz efeitos já conhecidos de distorção, desfoque, mosaico, nitidez, dentre outros, e mais alguns que são exclusivos da plataforma, como o divertidíssimo efeito Caleidoscópio. Cada efeito tem suas particularidades e pode ser editados a partir de alças que são visualizados por cima da imagem.

Vetores

Em sua versão comum, é apresentado um conjunto de ferramentas vetorais com estilos e predefinições intitulado de Vectomator. Além de disponibilizar uma série de ícones e vetores prontos (a maioria precisa ser baixado), você ainda pode desenhar vetores simples de uma forma muito similar ao Illustrator. Infelizmente, sua exportação fica restrita a imagens matriciais, não sendo funcional para criação, por exemplo, de identidades visuais.

Tipografia

A tipografia talvez seja o ponto mais fraco da ferramenta. Apesar do excelente acabamento tipográfico do MacOSX, as funcionalidades entregadas pelo Pixelmator Pro são muito limitadas. Apesar de haver opções interessantes, o aplicativo não entrega tudo o que poderia, obrigando o usuário a ter que converter o texto para forma ou pixel para que possa usar opções comuns, como sombra projetada.

Uma Verdadeira Opção ao Photoshop

Ninguém duvida que o Photoshop é uma aplicação extremamente robusta e completa. Todavia, está anos parado no tempo no quesito usabilidade e interface gráfica. Muitos filtros do Photoshop ainda não usam bem a GPU e não possui resposta em tempo real na maioria de seus filtros e efeitos. Já o Pixelmator, talvez por ser uma empresa jovem, ou por ser exclusivo para MacOSX  pode, assim, usar em totalidade API da Maçã. O resultado é mais poder de processamento gráfico para gerar resultados impressionantes.

Sendo uma opção muito boa, o Pixelmator Pro é ideal para retoques de fotos, composições e criação de anúncios para mídias sociais, web, ícones e diversos assets para projetos gráficos. Porém pode ser extremamente bem usado também para material impresso.

Com o preço único de 59,90 dólares (aproximadamente 200 reais), o Pixelmator Pro, se seguir o método de sua versão anterior, vai receber ainda diversas atualizações e se tornará talvez a melhor opção para edição de fotos para usuários MacOSX.

E você? Já conhecia o Pixelmator? Já tem opinião sobre esse aplicativo? Deixe seu comentário.

Dúvidas?
Entre em um de nossos grupos ou deixe um comentário:

Grupo no Facebook Grupo no Telegram